segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Uma lição pra não esquecer...



Quanta coisa tem acontecido ultimamente... Todo o tipo de tarefas tem batido á porta e eu simplesmente não soube dizer "NÃO"!
Como consequência, o cansaço tem batido á porta também e eu tive de o deixar entrar... A minha "casa"(vida) está uma bagunça!
Tenho procurado força para a arrumar mas estou tão cansada...
Alguma vez sentiu que não estava a dar o seu melhor para Deus? Alguma vez viveu uma fase tão intensa de comunhão e intimidade com Ele, o conheceu de perto e até chegou a olhar-lhe nos olhos?
Há bem pouco tempo a trás eu vivi essa época! Foi tão bom!
Não é que me tenha desviado ou saído do caminho certo...é só que estou num ritmo mais lento...Antes eu corria, agora eu ando...muito lentamente! E até existem momentos em que paro para descansar um pouco...
Na verdade estou a escrever porque preciso compartilhar algo que aprendi com o que estou a viver neste momento...
Eu perguntei a Deus:

  • "Senhor...Antes eu lia a Biblia todos os dias, mais de cinco vezes ao dia...Orava e jejuava sem sessar...vivia o tempo todo sorrindo ansiosa por mais um tempo na Tua presença para descobrir mais uma pedra preciosa das Tuas verdades que disses-te que revelarias a quem buscasse ( "clama a mim e responder-te-ei e anunciar-te-ei coisas grandes e escondidas que não conheces" Jeremias 33:3)... eu dançava e cantava com todas as minhas forças o quanto podesse e depois ficava assim...ansiosa para Te encontrar mais uma vez e ter outra experiência contigo... Eu ouvia a Tua voz!! Hoje, sinto-me cansada, com as forças no chão...Não que esteja a passar tribulação! Não! Estou é mesmo cansada...espiritualmente! Entendes?(que pergunta doida...é obvio que Ele entende!) Eu sinto que não tenho lido a Biblia tanto quanto antes, sinto que não estou a dar o meu melhor agora, sinto-me distante de Ti, e quando me inclino para ouvir a Tua voz...eu simplesmente não consigo escutar!Tenho orado...mas o tempo de oração, a sua intensidade e fervor tem diminuido a cada dia que passa...Antes eu lia 50páginas de livros cristãos por dia, lia o "pão diário" (um devocional) e ainda arrajava tempo para compôr, tocar louvores e fazer coisas seculares como simplesmente ficar a pensar, ver televisão, estar com a familia e amigos...Porque agora não me sinto assim? Porque me sinto tão cansada e impotente? Porque não tenho a mesma fome e sede de Ti? Para onde foi toda aquela vontade e anseio?"
Tudo isso foi o que Lhe disse com muito medo e tremendo... Quando me acalmei, e depois de aproveitar o momento de silênico para ficar quieta eu pude ouvir a voz dEle de novo. Não me pergntem como,mas quando isso acontece, nós simplesmente sabemos que é Ele...Eu conheço a Sua voz! Sei bem que sim! E então Ele me disse:

"Vânia, querida...Eu sei de tudo isso que vives-te e que estás a viver! Fui eu quem permitiu, pois a tua vida está nas minhas mãos e nada acontece sem que Eu o permita!"

Só aquilo me aliviou...e eu poderia me contentar com aquilo, mas Ele continuou:

"Tu vives-te uma fase maravilhosa é certo, mas lembras-te de teres sido usada alguma vez durante essa fase?"

"Não, Senhor..."- Eu respondi, tremendo...e então Ele continuou...

"Pois,filha...E agora que estás a passar por este tempo mais calmo em que até parece que não estou presente...?"

"Sim, Senhor...Tenho sido usada!"- Eu lhe disse, sem perceber bem o que Ele queria com aquela pergunta e sabendo que ultimamente tinha sido bem mais usada nas mãos dEle. Então Ele perguntou:"Porque achas que estás a ser mais usada agora que parece que estou tão distante e antes não?"

"Eu...não sei, Senhor..."

"Filha, o teu crescimento espiritual não é para ti!"

"Não??"- Eu perguntei espantada! Afinal...não sou eu que estou a crescer? Não tem de ser para mim? Eu não compreendia...Mas senti Ele sorrir e me acarinhar antes de continuar a lição que eu jamais esquecerei(não me perguntem como...mas eu sei que senti!)

"Não! Tu tens de crescer para o meu rebanho! De que me serve que comas, comas, comas e comas e depois vás engoradando, engordando e engordando e o meu povo nada ganha com isso?"

(Nesta altura eu senti que verdadeiramente eu deveria escrever o livro que Ele tinha colocado no meu coração e percebi que nãoera um desejo carnal, e sim um desejo espiritual que Ele tinha feito brutar no meu coração)

"Tu engoradas-te muito espiritualmente e agora estás a dar a lã e a gurdura que acomulas-te. Sentes-te cansada espiritualmente porque estás demasiado gorda espiritualmente...Uma pessoa gorda, não está na sua melhor forma fisica e tende a abrandar o ritmo! E Eu, não estou longe! Continuo aqui! Os teus ouvidos é que estão muito cansados e precisam descansar! Eu...? Ainda estou aqui!"

"Senhor...que devo comer?"

"Filha, não te alimentes somente de goluseimas(versiculos e passagens preferidas)! É bom... Eu sei! E o teu organismo espiritual precisa disso, ele precisa de açucar também, porém...também precisa de coisas saudaveis que não estás habituada a comer(versiculos e passagens biblicas que não lemos)! Ás vezes custa, mas tem de ser! Aquilo que comeres será aquilo com que irás alimentar os outros...E não os podes encher de açucar até não poderes mais...Eles necessitam de coisas saudáveis! Uma vez que tens de ser usada para os alimentares...A tua alimentação é a alimentação deles! Cuidado!"

"Mas não é nada fácil comer aquilo que não gostamos..."

"Como te sentirias se escrevesses uma carta para mim e eu só lê-se alguns paragrafos?"

"Eu nãos gostaria! Sentiria-me mal...Depois de escrever algo, gostaria que lêses tudo!"- Returqui

"Então não me faças sentir assim..." Ele disse rematando com chave de ouro...



Nessa altura lembrei um versiculo que completou tudo o que Ele me ensinou:

"Achaste mel? come só o que te basta; para que porventura não te fartes dele, e o venhas a vomitar."Provérbios 25:16

Eu tinha achado mel ( a presença de Deus, a palavra de Deus e tudo o resto), mas comi de mais! Por isso me acho tão cansada... Creio que aprendi a lição e espero que vocês possam aprender com o meu erro!
Comam,mas não demasiado! E dêem! Dêem tudo o que tenham! Para depois poderem voltar a comer e assim sucessivamente!

Refeições saudáveis com o Pai, na quantidade certa é tudo o que vos desejo!

Vânia Gonçalves
(P.S: Este foi o sinal de que deveria mesmo escrever o livro e passar tudo o que tenho aprendido para quem o quizer ler...E ele já tem título, mas prefiro deixar o bichinho da curiosidade roer um pouquinho antes de o revelar! :D )

Um comentário:

  1. apaz, se lembra de mim ainda. Aqui é o Bruno Fugazza, estive um tempo fora do blog, mas, estou voltando a postar de novo. Saudades de ti menina. Não deixe de visitar meu blog. Deus abençoe.

    ResponderExcluir